Doc-LEK é um núcleo cultural do:

Doc-LEK é um núcleo cultural do:

sábado, 29 de agosto de 2015

CARTA AO FILHINHO


São Paulo, 24, 9, 985. 

Caro “seu” Filhinho 

Veja a beleza de carta anexa, que recebi do sr. Jean-Gerard Fleury, jornalista/empresário/aviador francês, residente no Rio, a quem recorri através do velho e querido amigo de imprensa, meu compadre, Luiz Edgar de Andrade, da TV Globo.

 Ao que parece, o assunto, a estada de Exupéry em Ubatuba, ocorrida há 50 anos (52 anos!) se esclarece de vez. Estou pesquisando há 21 anos, por meu lado, desde que vi o trabalho do Ewaldo Dantas Ferreira na “Folha”. 

 Se tudo é vero, quem esteve em Ubatuba, naquela tarde/noite que já entraram para a história, foi o aviador Leon Antoine, e o radiotelegrafista Chauchat. Fleury o identificou, e já tinha carta anterior da Air France, com o mesmo nome, e só queria agora ter certeza.
O nome Antoine Saint-Exupéry apareceu, tenho certeza, pela coincidência do primeiro nome (Antoine). Assim, o Brandão, em sua presença, o chamou no dia da chegada. A carta do Brandão, também, identifica Antoine Saint Exupéry.

E mais, explicando que viu a foto no Cruzeiro, no carro do Ewaldo, e achou que era Exupéry. Os dois Antoines, eram parecidos! A Irmã Rosa Maria, biógrafa de Exupéry, teve dificuldades em identificar. Acho que sua participação no caso é mais que verdadeira e honesta. A sua verdade é real, não fictícia... e bem verossímil. 

De minha parte, atuei longe dos fatos, com faro de repórter, contudo, só querendo apurar tudo direitinho para uma reportagem. Esclarecedora e definitiva. Acho que é o que está se esclarecendo.

Espero ir brevemente ao Rio, encontrar o aviador Leon Antoine. Se possível levá-lo a Ubatuba, para ele rever o local e amigos que o auxiliaram, como o senhor. E como o “seu” Filhinho já se prontificou com tanta amabilidade, na última conversa! Fico às ordens em S. Paulo, querido amigo e mestre.

Abraço de sempre e recomendações à d. Mocinha,

Luiz Ernesto Kawall

Nenhum comentário: