Doc-LEK é um núcleo cultural do:

Doc-LEK é um núcleo cultural do:

sábado, 19 de setembro de 2015

Luiz Ernesto Kawall

Hoje foi um dia feliz para mim, pois recebi a visita do Senhor Luiz Ernesto Kawall, jornalista credenciado junto ao Governo do Estado, muito simpático, extremamente inteligente. Dispôs-se a dar informações necessárias sobre o passado Governo Sodré, pois é meu desejo perpetuar o ilustre nome do simpático ex-governador de São Paulo nas humildes páginas do livro em preparação. Do fundo da minha alma peço aos ubatubenses serem reconhecidos ao ex-Governador Sodré, ajudando alma e coração no dia em que ele vier porventura a precisar de Ubatuba. 

Durante a feliz gestão Matarazzo-Toledo Piza na minha cidade, tive ocasião de ser apresentada ao Dr. Roberto Costa de Abreu Sodré, em visita oficial a Ubatuba, aqui vindo para inaugurar o retrato de seu falecido e inesquecível pai, em uma das salas do Museu Histórico e Pedagógico de Iperoig. Vendo-o de perto, com um sorriso simpático nos lábios, uma simplicidade nata em cada gesto, tive o prazer de analisar o cidadão que se revelava em si o homem nascido para governar não só um Estado, mas querendo Deus, uma Nação. 

Que destino amigo das grandes inteligências disseminadas por nossa Pátria faça desse cidadão esclarecido o Presidente do nosso Brasil é um desejo. 

Na época em que conheci o Governador Sodré, também conheci Luiz Ernesto Kawall; tornamo-nos grandes amigos e foi ele, então Assessor de Imprensa, que pronunciaria frases de admiração pelo governo Sodré, em uma conversa amiga sobre a sua personalidade. 

Ele foi admirável como Governador do nosso Estado e, sobretudo é humaníssimo, enquanto seu olhar abrange a política em todos os setores do grande São Paulo. Mente esclarecida move-se em todas as direções, solucionando diversos problemas, simultaneamente. A tudo, porém, e a todos atende, levando uma esperança, na sua voz calorosa e amiga, a cada coração”. 

Assim falou durante uma agradável palestra, Luiz Ernesto Kawall, nessa manhã de domingo, enquanto o sol amigo doirava as verdoengas encostas de Ubatuba. 

Bom Dia Ubatuba - Editora Vida, (página 115).

Nenhum comentário: